A educação superior e o futuro do mercado de trabalho

A educação superior e o futuro do mercado de trabalho

As transformações da sociedade preparam um horizonte de incertezas para o futuro do mercado de trabalho. Impõem novos paradigmas e, claro, inúmeros desafios à educação.

Sabe-se, por exemplo, que a importância do diploma começa a ser relativizada. Mais do que conteúdo técnico, as instituições de ensino superior (IES) abrem espaço para uma visão holística do conhecimento – o que inclui motivação, valores, recursos, atitudes e habilidades para realizar ações mais eficazes. Entra em cena o conceito de ensino por competências, tema central de uma série de reportagens especiais publicada no Desafios da Educação, em julho.

Com o tema em evidência, nossa nova série, com 7 reportagens, volta-se para a relação entre educação superior e o futuro do mercado de trabalho. Mostramos como uma IES gaúcha redesenhou sua matriz curricular, oferecendo aos estudantes qualificação que transcende a rigidez de disciplinas obrigatórias. Uma abordagem ampliada desse movimento e seus reflexos segue na matéria Como o mercado de trabalho reconfigura o ensino superior.

Mostramos, ainda, que a trabalhabilidade pode superar a empregabilidade. As novas gerações de profissionais dão menos valor à continuidade da carreira em uma única empresa e procuram somar o máximo de experiências possível. Muitas organizações já assimilaram a nova realidade e passaram a otimizar seus vínculos, adotando a estratégia de contratação por projetos.

No quesito contratação, aliás, fomos direto ao ponto. Listamos 10 profissões que ainda não existem – mas você precisa conhecer. Falamos de agricultor digital, especialista em impressão, controlador de tráfego multidimensional, entre outras. Em outra reportagem, falamos de 4 carreiras e funções que vão surgir no setor de educação.

Para a qualificação nessas carreiras, tidas como “do futuro”, destacamos sete competências indispensáveis. Entre elas estão coleta e análise de dados, adaptabilidade e empreendedorismo – tema da última reportagem da série. Nela, mostramos como o empreendedorismo tem mais teoria do que prática na sala de aula.

>> CONFIRA A SÉRIE DE LIVROS DESAFIOS DA EDUCAÇÃO <<

Você pode acessar as demais reportagens especiais do Desafios da Educação em nosso site. A série Censo EAD Brasil, inclusive, concorre ao Prêmio Estácio de Jornalismo 2018 na categoria Internet da modalidade nacional. Confira outros especiais:

>> Educação 4.0: no setor educacional, a revolução inclui o uso das inovações para privilegiar a personalização dos processos de aprendizado.

>> Gestão familiar: além de mergulhar na rotina de IES do Rio, de São Paulo e do Distrito Federal, a série de reportagens explica a importância da governança corporativa e aponta os desafios das pequenas e médias frente à concorrência das gigantes.

>> Fórum de Lideranças: líderes das principais IES do Brasil debatem as perspectivas e os desafios da educação do futuro.

Confira a série Educação e trabalho

Foto em destaque: Campus da UniÍtalo, em São Paulo. Crédito: divulgação.