EADMercado

O futuro do ensino superior: cinco tendências

0

Em uma sociedade onde o uso de diferentes dispositivos eletrônicos faz parte do cotidiano, a parceria entre educação e tecnologia parece o caminho mais natural. Mas será que o futuro do Ensino Superior está ligado apenas às ferramentas, dispositivos e aplicativos? No relatório Horizon Report 2013, documento anual produzido pela New Media Consortium e Educause Learning Initiative, especialistas em educação esclarecem que, até 2018, as mudanças passam por uma completa renovação profissional e novas formas ver o aprendizado.

Confira quais são as tendências para o Ensino Superior nos próximos cinco anos:

google-tv
Imagem via: Blogger

1. Educação aberta

Conceitos como conteúdo, dados e recursos abertos serão muito valorizados. Existirá a necessidade de focar na curadoria de conteúdo para validar as informações que, muitas vezes, vem de diversas fontes. Diferentemente de “educação gratuita”, o termo “educação aberta” é utilizado para designar um conhecimento que é livre e pode ser remixado, replicado e de amplo acesso. Características como transparência e acessibilidade dos dados também fazem parte dessa tendência.

2. Cursos abertos e gratuitos

Os cursos online, abertos e gratuitos (os chamados MOOCS – Massive Online Open Courses –, em inglês) se fortalecem como uma alternativa ao estudo tradicional. A perspectiva de atingir dezenas de pessoas com um único curso leva cada vez mais instituições a discutirem questões relacionadas ao financiamento de tais atividades.

large
Imagem via: Pinterest

3. Habilidades do mundo real

O mercado de trabalho exige habilidades que não estão nas grades curriculares dos cursos de ensino superior. Por esse motivo, o aprendizado informal será cada vez mais frequente. Seja através do uso de novas tecnologias ou de espaços informais, os alunos serão estimulados a experimentar, brincar e explorar temas com base em suas próprias motivações, além de desenvolver o senso crítico e a comunicação.

4. Novas fontes de informação

Transformar a experiência de aprender em um processo personalizado será a chave dos próximos anos. A utilização de ferramentas de Learning Analytics (Análise de Dados de Aprendizagem) dará aos gestores das universidades um vasto número de dados sobre as atividades educacionais online dos estudantes. A esperança é que essa informação permita uma melhoria contínua nos resultados do ensino.

5. Novo papel para o professor

Com um número crescente de estudantes aprendendo de maneira informal, qual é o papel do professor? A tendência é a renovação dos educadores, que precisam se posicionar cada vez mais como curadores de conteúdo, dando aos alunos ferramentas para encontrar o conhecimento dentro e fora de sala de aula.

O futuro da educação passará por muitos desafios. Para você, qual destas cinco tendências listadas é a mais importante?

Quer conhecer mais tendências para o futuro do ensino? No Fórum Desafios da Educação, Katie Blot,Vice-Presidente sênior de consultoria da Blackboard Inc. e especialista em Educação e Tecnologia, vai mostrar como as Instituições de Ensino Superior devem se preparar para os próximos desafios da Educação. Inscreva-se e participe da discussão: as vagas são limitadas!

Redação
A redação do portal Desafios da Educação é formada por jornalistas, educadores e especialistas em ensino básico e superior.

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.