EdTechInsights

Como os smartphones podem ajudar a ensinar mais?

0

Você acha que os smartphones atrapalham o rendimento dos estudantes? Na rua ou em sala de aula, eles gastam parte do seu tempo dando atenção a esse aparelhinho. Porém, acreditar que o uso de celular dificulta o trabalho dos professores é ignorar o potencial educativo que os alunos têm em mãos. Gestores e educadores precisam entender o desafio que é ensinar para a Geração Y e usar a tecnologia como uma aliada.

smartphones

Imagem via Pinterest

Os professores devem ser incentivados a abraçar as mais recentes tecnologias e envolver seus alunos em novas estratégias de aprendizagem. Estimular os estudantes a usarem smartphones como parte do modelo de aprendizagem torna o aprendizado mais leve, por estar em consonância com a realidade dessa geração.

No post de hoje, selecionamos três características mais populares dos smartphones que podem ser utilizados em sala de aula:

Mensagens de texto
Dê dicas ou tire dúvidas. O professor pode agendar um horário onde ele e o estudante se comuniquem, por meio de mensagens de texto, sobre dúvidas ou problemas como determinado tema. Apenas tome cuidado para deixar claro o horário em que isso irá acontecer.

Os alunos podem utilizar exemplos do dia a dia e enviá-los em forma de fotos, vídeos ou áudios para o professor. As respostas ou informações mais interessantes podem ser compartilhadas em sala de aula. Em aplicativos de mensagem de texto como o Whatsapp, por exemplo, é possível criar grupos para compartilhar dicas, vídeos, fotos e áudios.

Redes sociais
Utilize as redes sociais em sala de aula. O professor pode criar uma página ou grupo no Facebook para discutir tarefas e compartilhar materiais de estudo. Tanto no Twitter quanto no Facebook, alunos e professor podem utilizar uma hashtag, previamente combinada, para relacionar fatos do cotidiano com a disciplina.

É preciso incentivar a troca de conhecimento fora da faculdade.Faça uma relação de páginas ou perfis que os alunos devem seguir no início do semestre e depois utilize os posts em classe, tarefas ou avaliações. Essa atitude chama a atenção dos estudantes e leva o aprendizado para fora dos muros da instituição.

Gamificação
O uso de jogos para aprender mais é um dos nossos assuntos favoritos aqui no blog. Brincar e adquirir conhecimento ao mesmo tempo é muito mais divertido. O professor pode escolher determinados jogos ou aplicativos que serão utilizados ao longo do semestre e incentivar a competição saudável entre os alunos. Além de indicar os jogos e apps, permita que os estudantes compartilhem quais ferramentas eles utilizam para facilitar os estudos e a organização.

Você acredita que é possível utilizar o celular como ferramenta educativa? Compartilhe a sua experiência com a gente. 

Quer continuar a discussão por email? Cadastre-se na nossa newsletter Desafios da Educação clicando neste link.

Redação
A redação do portal Desafios da Educação é formada por jornalistas, educadores e especialistas em ensino básico e superior.

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.